Wed. Feb 28th, 2024



A lenda do rockabilly Ronnie Hawkins, que serviu como mentor do The Band, morreu no domingo, 29 de maio, aos 87 anos.

A esposa de Hawkins disse à CBC que seu marido faleceu após uma longa doença. “Ele foi pacificamente e estava mais bonito do que nunca”, disse Wanda Hawkins.

Embora nativo do Arkansas, Hawkins experimentou a maior parte de seu sucesso depois de se mudar para o Canadá no início dos anos 1960. A certa altura, sua banda, conhecida como The Hawks, contava com Levon Helm, Robbie Robertson, Rick Danko, Richard Manuel e Garth Hudson – que mais tarde formaria a The Band e apoiaria Bob Dylan.

“Ele foi nosso mentor. Ele nos ensinou as regras da estrada”, escreveu Robertson sobre Hawkins em um tributo publicado no Instagram. Robertson passou a descrever Hawkins como “o padrinho” e “aquele que fez tudo isso acontecer”.

“Ele nos fez ensaiar constantemente até altas horas. Nós nos recusamos a isso, mas ficamos cada vez melhores. Nosso objetivo, quer soubéssemos ou não”, acrescentou Robertson. “Depois que os Hawks deixaram Ron e saíram por conta própria, nos juntamos a Bob Dylan. Em seguida, os Hawks se tornaram The Band e o resto é história, como dizem.”

Hawkins apareceu no filme de Martin Scorsese A última valsaque narrou o show de despedida da banda em 1976, e interpretou Bob Dylan no filme de 1978 Renaldo e Clara. Mais tarde, ele se reuniu com The Band em 1995 para um show comemorando o aniversário de 60 anos de Hawkins.

Hawkins lançou um total de 25 álbuns ao longo de sua carreira e marcou vários sucessos na Billboard 100 com covers de “Mary Lou” de Young Jessie, “Hey Bo Diddley” de Bo Diddley e “Thirty Days” de Chuck Berry. Ele também era conhecido por suas performances ao vivo divertidas.

Por suas contribuições, Hawkins foi nomeado Oficial Honorário da Ordem do Canadá e introduzido no Rockabilly Hall of Fame.



By Dave Jenks

Dave Jenks is an American novelist and Veteran of the United States Marine Corps. Between those careers, he’s worked as a deckhand, commercial fisherman, divemaster, taxi driver, construction manager, and over the road truck driver, among many other things. He now lives on a sea island, in the South Carolina Lowcountry, with his wife and youngest daughter. They also have three grown children, five grand children, three dogs and a whole flock of parakeets. Stinnett grew up in Melbourne, Florida and has also lived in the Florida Keys, the Bahamas, and Cozumel, Mexico. His next dream is to one day visit and dive Cuba.