Tue. Mar 5th, 2024


O show de Roger Waters em 28 de maio em Frankfurt, na Alemanha, foi cancelado, anunciou a cidade em um comunicado oficial na semana passada. “O pano de fundo do cancelamento é o persistente comportamento anti-Israel do ex-vocalista do Pink Floyd, considerado um dos antissemitas mais difundidos no mundo”, escreveu a cidade, segundo tradução da Agência Telegráfica Judaica. “Ele repetidamente pediu um boicote cultural a Israel e fez comparações com o regime do apartheid na África do Sul e pressionou os artistas a cancelarem eventos em Israel.”

Waters continua sua longa turnê This Is Not a Drill na Europa em março. Ele está programado para se apresentar em Hamburgo, Colônia, Berlim e Munique e, de acordo com o comunicado de Frankfurt, há pedidos para o cancelamento de todos os shows de Waters na Alemanha.

Em entrevista com Pedra rolando No ano passado, Waters se referiu a Israel como “um estado de apartheid” e comparou o país à África do Sul da era do apartheid. Ele também criticou outros músicos – incluindo Madonna, Radiohead, Nick Cave e os Chemical Brothers – por se apresentarem em Israel.

Waters é um defensor da Palestina e do movimento Boicote, Desinvestimento e Sanções (BDS), que defende que Israel mude suas políticas em relação aos palestinos. Conseqüentemente, Waters apoiou artistas, incluindo Lorde, que renunciaram a shows em Israel.

O show em Frankfurt não é a primeira vez nos últimos anos que Roger Waters teve um show cancelado devido a suas opiniões políticas. No ano passado, Cracóvia cancelou duas apresentações devido às opiniões de Waters sobre a invasão da Ucrânia pela Rússia.

A Pitchfork entrou em contato com os representantes de Roger Waters para comentários e mais informações sobre o show em Frankfurt.

By Dave Jenks

Dave Jenks is an American novelist and Veteran of the United States Marine Corps. Between those careers, he’s worked as a deckhand, commercial fisherman, divemaster, taxi driver, construction manager, and over the road truck driver, among many other things. He now lives on a sea island, in the South Carolina Lowcountry, with his wife and youngest daughter. They also have three grown children, five grand children, three dogs and a whole flock of parakeets. Stinnett grew up in Melbourne, Florida and has also lived in the Florida Keys, the Bahamas, and Cozumel, Mexico. His next dream is to one day visit and dive Cuba.