Wed. Feb 21st, 2024


[Editor’s note: The following contains spoilers for The Last of Us, Season 1 Episode 2, “Infected.”]

Na cena de abertura da nova série da HBO O último de nós, o fungo estabelecido será responsável por um surto altamente transmissível que desencadeará uma pandemia global. No entanto, o programa não dá detalhes explícitos sobre como a infecção realmente se espalha, levando a especulações dos fãs que culminam na teoria da farinha.

Um flashback do episódio 2 de um incidente em uma fábrica de farinha em Jacarta, na Indonésia, dá forte crédito à teoria, especialmente quando se olha para os “pedaços de farinha de rosca” espalhados ao longo do primeiro episódio. Continue lendo para saber mais sobre a teoria da farinha.

Certifique-se de ler também nossa crítica da primeira temporada e aprender o significado de “Never Let Me Down Again” do Depeche Mode no Episódio 1 aqui. Você também pode acompanhar todas as músicas tocadas no O último de nós aqui.


Quais são os fundamentos da teoria da farinha?

o último de nós teoria da farinha da série hbo

O Último de Nós (HBO)

Segundo a teoria (via Reddit), o surto se espalha a partir de farinha contaminada. O início do Episódio 2 ocorre em Jacarta, Indonésia, em 24 de setembro de 2003, quando a micologista Dra. Ratna Pertiwi (Christine Hakim) é escoltada pelas autoridades a um laboratório do governo para inspecionar e confirmar que uma amostra preparada é um fungo chamado Ophiocordyceps.

Quando Pertiwi fica sabendo que veio de um humano, ela fica cética porque Ophiocordyceps não deve ser capaz de crescer em um corpo humano. Ela é então levada a um laboratório com câmara de ar para dar uma olhada na mulher infectada. Durante a inspeção de Pertiwi, ela fica horrorizada ao extrair uma gavinha de fungo da boca da mulher.

Pertiwi é então informado do incidente em um moinho de farinha no qual a mulher infectada começou a atacar seus colegas de trabalho e fez com que vários deles “desaparecessem”. Percebendo a gravidade da situação, Pertiwi sugere gravemente que a única solução é bombardear toda a cidade para evitar que o surto de fungos se espalhe ainda mais.

Tudo isso se relaciona com a cena de abertura de O último de nósem que o cientista Dr. Neuman (John Hannah) compartilha seus medos de uma pandemia fúngica, descrevendo como Ophiocordyceps unilateralis pode assumir o controle do cérebro de uma formiga, substituir a carne da formiga pela sua própria e evitar que ela se decomponha. Seu colega aponta que esse tipo de fungo não é conhecido por afetar os humanos, mas Neuman responde dizendo que o aquecimento global pode forçar os fungos a se adaptarem a temperaturas mais altas.



By Dave Jenks

Dave Jenks is an American novelist and Veteran of the United States Marine Corps. Between those careers, he’s worked as a deckhand, commercial fisherman, divemaster, taxi driver, construction manager, and over the road truck driver, among many other things. He now lives on a sea island, in the South Carolina Lowcountry, with his wife and youngest daughter. They also have three grown children, five grand children, three dogs and a whole flock of parakeets. Stinnett grew up in Melbourne, Florida and has also lived in the Florida Keys, the Bahamas, and Cozumel, Mexico. His next dream is to one day visit and dive Cuba.