Sat. May 21st, 2022


O IIPM apresenta a transmissão ao vivo da Escola de Resistência: Direito à Regularização na rede global de TV HowlRound produzida por pares em howlround.tv na sexta-feira, 4 de março e sábado, 5 de março de 2022.

Depois de Munique, Berlim e Colônia, a Escola de Resistência está desembarcando em Ghent levantando a voz de refugiados indocumentados na Bélgica e na Europa.

O que começou como uma série de debates online agora se transformou em um evento multidisciplinar de vários dias no qual artistas, ativistas, filósofos e cidadãos engajados buscam e vislumbram uma visão mais sustentável de nosso futuro planetário comum. Depois de Munique, Berlim e Colônia, a Escola da Resistência chega a Ghent nesta primavera.

Nos dias 4 e 5 de março, uma nova edição da Escola de Resistência abordará a questão da regularização de migrantes na Europa e sua luta por cidadania e reconhecimento. Juntamente com #GentZonderGrenzen, In My Name e L’union des sans papiers pour la Regularisation, os refugiados indocumentados em Ghent expressam sua vontade política. Por meio de painéis de discussão, exibições de filmes, shows e workshops, imaginaremos novos futuros de cidadanias globais. Como podemos fazer de Gand uma cidade solidária? Quem são os cidadãos de Ghent hoje? Quem são os cidadãos de amanhã?

Este evento faz parte do BELMUNDO, o festival de solidariedade internacional de Gand.

sexta-feira, 4 de março

Direito à Regularização
13h30 EST (Nova York, UTC -5) / 18h30 GMT (Londres, UTC +0) / 19h30 CST (Gante, UTC +1)

Como poderia ser exatamente uma política de regularização mais humana? Que caminhos ainda temos que tomar? Como e com quem unimos forças? Fazemos essas perguntas para:

Tarik Chaoui (porta-voz L’union des sans papiers pour la Regularisation)
Lode Van Hecke (bispo de Gante)
Kati Verstrepen (advogada de direitos humanos e presidente Liga voor Mensenrechten)
Ilse Derluyn (professora de serviço social, UGent University)
Sien Volders (autor de Oogst)

francês e holandês. Transmissão ao vivo em inglês.

sábado, 5 de março

PAINEL DE DISCUSSÃO: Que papel Ghent desempenha como cidade solidária na construção de uma sociedade pós-migração?
13h30 EST (Nova York, UTC -5) / 18h30 GMT (Londres, UTC +0) / 19h30 CST (Gante, UTC +1)

Professora Jacqueline Bhabha (especialista em migração, Harvard)
Parwana Amiri (ativista e poeta)
Bilal Abbas (fundador da Masala Vzw)
Ellen Desmet (professora de política de migração e asilo, UGent)
Astrid De Bruycker (responsável pela igualdade de direitos na Câmara Municipal de Ghent)

Triagem e Discussão de O Caso Samuel
15:00 EST (Nova York, UTC -5) / 20:00 GMT (Londres, UTC +0) / 21:00 CST (Gante, UTC +1)

Exibição do curta-metragem O Caso Samuelseguido de um after talk sobre arte e resistência com a diretora Lara Staal e a ativista e poetisa Parwana Amiri



By admin