Brasil Região Metropolitana Rio Grande do Sul Serviços

Sindimetrô anuncia que categoria não irá parar atividades nesta quarta-feira Ainda assim, metroviários e metroviárias mantém o estado de greve até que acordos sejam assinados.

Sindimetrô anuncia que não realizará greve mas segue em estado de greve. (Foto: Marcella Trindade)

Reunidos em assembleia geral no começo da tarde desta terça-feira, 02, os metroviários e metroviárias decidiram suspender a greve marcada para esta quarta-feira, 03. A categoria, no entanto, mantém o estado de greve e segue mobilizada, aguardando o desenvolvimento das negociações visando a renovação do Acordo Coletivo de Escalas.

A decisão foi tomada depois que a direção da Trensurb, em reunião mediada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) na noite de segunda-feira, 01, retomou o debate a partir dos pontos discutidos anteriormente. A principal pendência é relativa à escala noturna da manutenção.

Ficaram agendadas duas reuniões para negociar o fechamento do Acordo. Uma na sexta-feira, 05, na Trensurb e outra na segunda-feira, 08, na sede do TRT. Uma nova assembleia será chamada pelo Sindimetrô/RS após estes dois encontros para apreciar uma proposta concreta ou para dar sequência ao movimento.

Para o Sindimetrô/RS, a greve anunciada e a mobilização da categoria forçaram a retomada das discussões a partir do ponto em que haviam sido interrompidas pela empresa de forma unilateral. “Tivemos um bom avanço, mas ainda não garantimos nada. Esperamos que na próxima semana possamos, em assembleia, fechar uma proposta e assinar a renovação do Acordo”, declarou o presidente do sindicato Luis Henrique Chagas.

TRENSURB

Segundo a Trensurb, ficou acertado que o acordo será renovado até 30 de novembro de 2018, buscando mais tempo para as discussões sobre uma nova proposta para a escala 5 x 2 (turno noite), que atende aproximadamente 40 empregados de três setores, sendo eles: oficinas, sinalização e energia.

Ficaram, ainda, agendados novos encontros e o compromisso do sindicato defender junto aos seus associados a não paralisação conforme divulgado anteriormente.

ESCLARECIMENTO

Ainda na terça-feira, a Direção da Trensurb divulgou nota reafirmando que o acordo de escalas firmados com o Sintec-RS e Sindimetrô-RS permaneciam em vigor, e que não houve, em nenhum momento, discussão sobre mudança nas escalas de trabalho da área operacional e administrativa, ou seja, sem repercussão para esses empregados.

A empresa esclareceu, ainda, que o tema que ainda estava em discussão nas reuniões da Comissão de Negociação, é a necessidade de readequar a carga horária da escala fixa noturna, buscando atender as necessidades da Trensurb e o interesse dos empregados alocados nessa escala (aproximadamente 40 pessoas), que são representados por esses sindicatos.

Fonte: Sindimetrô/RS e Trensurb

Sobre o autor

Marcella Trindade

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: