Esportes Região dos Vales Rio Grande do Sul

Em jogo decisivo, Atlético Candelariense almeja classificação para próxima fase da Série Bronze Equipe de Candelária enfrenta o Três Coroas Futsal na noite deste sábado, 20, no Ginásio Municipal Gigante do Botucaraí.

O resultado que o Atlético obteve na rodada passada, no último sábado, 13, deixou a equipe de Candelária em dificuldades na Série Bronze. Para avançar até a próxima fase do Campeonato Estadual de Futsal, o Tricolor precisa vencer, na noite deste sábado, 20, o Três Coroas Futsal.  O início do jogo, que é válido pela última rodada da 2ª fase da competição, está previsto para as 20h, no Ginásio Municipal do Botucaraí, em Candelária.

Atualmente o Atlético Candelariense ocupa a terceira colocação na Chave 5, com 7 pontos, até então fora da zona de classificação para a fase mata-mata do torneio, e somente a vitória interessa à equipe nesta noite. Além de ganhar o jogo, o time ainda precisa torcer por um tropeço do Fontoura Xavier contra o atual líder da Chave, o Meninos da Vila.

Jogando em casa e lutando para se manter vivo na Competição, a equipe de Candelária conta com o apoio dos torcedores nessa noite, no Ginásio Municipal Gigante do Botucaraí. O ingresso custará R$ 10. Sócios não pagam.

Sobre o rival da noite:

O Três Coroas Futsal ocupa a última posição na chave 5, com nenhuma pontuação. Foram 5 jogos disputados e nenhuma vitória ou empate até então, com 15 gols marcados e 23 sofridos, somando um saldo de gol de -8 na 2ª fase da Série Bronze.

Na 1ª rodada dessa fase do torneio, realizada no dia 8 de setembro, o Atlético enfrentou o Três Coroas Futsal, na cidade de Três Coroas, onde obteve um resultado positivo de 3 x 1 contra o adversário.

Confira como está a Chave 5 da Série Bronze:

1º– Meninos da Vila: 13 pontos/ 86,67% de aproveitamento

2º–Fontoura Xavier: 9 pontos/ 60,00%% de aproveitamento

3º– Atlético Candelariense: 7 pontos/ 46,67% de aproveitamento

4º– Três Coroas Futsal: 0 pontos/ 0% de aproveitamento

Foto: Rafael Vezentini

 


Sobre o autor

Marcelo Müller

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: