Região dos Vales Rio Grande do Sul Segurança Serviços

Cachoeirense fica desaparecido por mais de sete horas em trilhas de Candelária Jovem de 27 anos teria se perdido do grupo de amigos que faziam rapel na Cascata da Ferradura.

Desaparecido

Um cachoeirense de 27 anos, ficou mais de sete horas desaparecido durante este domingo, 09, na localidade de Roncador, interior de Candelária.

Ele, juntamente com um grupo de amigos visitavam o ponto turístico conhecido como Cascata da Ferradura. Enquanto a maioria optou por descer a queda d’água por meio de rapel, o jovem que tem medo de altura, decidiu descer pela trilha, momento em que teria se perdido do grupo.

Assim que perceberam a ausência do amigo, os demais acionaram a Brigada Militar e Corpo de Bombeiros Voluntários de Candelária para pedir socorro. Por volta das 15h, a corporação se deslocou até o local, onde percorreu diversas trilhas em busca do jovem, mas nada foi encontrado. Enquanto as buscas continuavam, a namorada do cachoeirense precisou ser encaminhada para o Hospital Candelária para receber atendimento médico por conta do seu estado nervoso.

Por conta da chegada da noite, os Bombeiros precisaram suspender as buscas, contudo, por volta das 22h45 a corporação foi novamente acionada com a informação de que ele havia sido encontrado.

De acordo com os bombeiros, o jovem foi encontrado com vida e apresentava apenas alguns arranhões. Ele revelou que se perdeu enquanto caminhava sobre um riacho e tentou pedir ajuda em uma primeira residência, onde não obteve êxito. Após andar mais um pouco, pediu socorro em uma outra casa, que o atendeu e o levou novamente para a Cascata da Ferradura, onde a corporação foi buscá-lo.

Após passar por atendimento médico, o jovem foi levado para sua cidade por familiares.

desaparecido

Créditos: Arzélio Strassburger


Sobre o autor

Mariéle Gomes Gross

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: